Nossa Cara: Juventude Caá.içara mostra resultados da participação juvenil na cidade

Pulicado em:  FundAr

Evento Nossa Cara_Mesa de abertura

No último dia 18, o Circo Teatro Celeste da ONG Gaiato foi palco da Mostra de Resultados do Projeto Nossa Cara: Juventude Caá.içara. Estiveram presentes representantes da prefeitura de Ubatuba, da Petrobras, de comunidades tradicionais, ambientalistas e da população em geral.

Após dois anos de projeto, os jovens que fizeram parte da equipe de integrantes, e que compuseram as mesas de debate, evidenciaram aprendizados diferentes. Carlos Alberto Alves, 16 anos, afirmou ter adquirido conhecimentos básicos do dia a dia, como trabalhar em grupo, conhecer locais, temas e pessoas diferentes. “Os jovens do Nossa Cara vão continuar causando mudanças após a conclusão do projeto. Somos uma parcela de jovens que não têm opiniões baseadas apenas no que assistem na TV. Os jovens precisam de oportunidade” , disse ele.

Para a integrante do projeto Tayna Luane, 19 anos, o projeto contribuiu para o surgimento de jovens socialmente participativos. “Do início do projeto para cá, nós nos tornamos jovens feministas, ambientalistas, poetas, contadores de histórias e que discutem a questão racial, entre outros assuntos. Somos muito mais do que éramos.”

De acordo com o diretor presente da Fundart, Pedro Paulo Teixeira Pinto, que compôs a mesa de abertura do evento, “criar agentes que constróem a própria história e vivenciam o protagonismo é a principal evidência dos resultados do Nossa Cara”.

O evento contou também com a participação do representante da Petrobras Manoel Alves Parreira Neto, do secretário de Meio Ambiente, Wilber Schmidt Cardozo e o vice-prefeito e secretário de Cidadania e Desenvolvimento Social, Jurandir de Oliveira Veloso, o Pelé.

WhatsApp Image 2017-08-23 at 13.07.52

A Mostra de Resultados do Projeto Nossa Cara: Juventude Caá.içaracontou com debates sobre atuação juvenil, comunidades tradicionais, sustentabilidade e participação social, além de apresentações culturais dos grupos Xondaro Mirim Mborai, da Aldeia Boa  Vista, e Ô de Casa, do quilombo da Fazenda demarcam fechamento de projeto.

O Projeto Nossa Cara: Juventude Caá-Içara, iniciado em fevereiro de 2015, foi realizado pela Ong GAIATO, com o patrocínio da Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental, e teve o desafio promover a inserção de jovens, adolescentes e crianças na cultura das comunidades tradicionais que deram origem à cidade de Ubatuba.