Projeto abre vagas para formação de crianças e adolescentes sobre meio ambiente e culturas tradicionais

No ano de 2015, 19 jovens do Projeto Nossa Cara: juventude Caá.içara concluíram um intenso processo de formação para se tornarem agentes culturais e ambientais da cidade. Agora em 2016, os jovens estão organizados pela cidade espalhando seus conhecimentos e exercitando o protagonismo juvenil numa intensa agenda de visitas à ONGs e escolas (públicas e municipais).

As atividades acontecem aos sábados, nos dias 27 de agosto e 3, 10, 17 de setembro, das 7h45 às 13h, na Escola Municipal Tancredo de Almeida Neves, podendo os interessados escolherem uma destas datas para integrar o projeto.  Os temas trabalhados serão: protagonismo juvenil, liderança comunitária, culturas tradicionais de Ubatuba, meio ambiente e sustentabilidade e elaboração de projetos socioambientais.

Concomitantemente às rodas de conversa serão oferecidas ainda saídas a campo para reconhecimento do território, quando os participantes terão acesso a aldeias indígenas, quilombos, comunidades caiçaras, entre outros espaços de manifestação da cultura local.

Para se inscrever é necessário entrar em contato pela página no Facebook (NossaCara.Ubatuba) ou pelo telefone (12) 3833-3744. Serão oferecidos lanche, camisetas do projeto e certificado de participação.

Além da formação oferecida no Tancredo, os jovens do Nossa Cara estão oferecendo a mesma formação para crianças e adolescentes das ONGS Namaskar e do Projeto Tamar, das escolas Belarmino, Tancredo, Maria Alice, Idalina, Celestino, Dionísia, Sueli, Aurelina, Deolindo, Esteves, Cooperativa, além da Guarda Mirim e FUNDAC. Nestes espaços as inscrições já estão fechadas para os adolescentes das instituições. Espera-se atingir com este trabalho mil crianças e adolescentes do município interessadas em desenvolver projetos de intervenção local.

O Projeto Nossa Cara: juventude Caá.içara é realizado pela ONG GAIATO com o patrocínio da Petrobras.